Alunos do Colégio Maxi participam de simulações da ONU nos Estados Unidos

Na próxima segunda-feira (20), alunos do Colégio Maxi embarcam para os Estados Unidos, onde participarão de importantes simulações da Organização das Nações Unidas (ONU) em universidades americanas. Os jovens foram selecionados pelo bom desempenho acadêmico, além do domínio na língua inglesa e conhecimentos sobre protocolos da instituição internacional. A atividade será realizada de 23 de janeiro a 02 de fevereiro, incluindo visitas a pontos históricos em território norte-americano.

A delegação será acompanhada pela coordenadora do programa High School do Colégio Maxi, Daniele Breier. A primeira parada é na 46ª edição da Yale Model United Nations (YMUN), no estado de Connecticut. O evento reproduz em detalhes uma sessão da ONU, com conferências, debates e reuniões. O evento reúne cerca de 1,8 mil estudantes de 40 países, entre os dias 23 e 26 de fevereiro.

“O principal objetivo dessas simulações é aprimorar a competência dos alunos para o debate sobre temas da política internacional, além da experiência em serem estudantes de universidades americanas por um período e representarem outros países na discussão e solução de problemas. É algo que irá acrescentar e muito na vida acadêmica e pessoal deles”, pontua Daniele.

Depois de passarem por Yale, a delegação do Maxi seguirá para a Universidade de Harvard, no estado de Massachusetts, uma das mais renomadas instituições de ensino do mundo. Para esta simulação, que ocorrerá de 30 de janeiro a 02 de fevereiro, devem participar aproximadamente 4 mil estudantes de 57 países. Daniele conta que a preparação dos alunos para estas atividades teve início no segundo semestre de 2019, logo após a seleção dos estudantes. Entre os projetos que contribuíram com esta formação, a escola realizou a 1ª edição do Maxi-Múndi, em setembro, com reproduções de sessões e encontros da ONU.

“Desde novembro, este grupo participa de encontros semanais onde são realizadas mini simulações, além de reforço nos estudos e leitura em inglês, conhecimentos gerais e normas da ONU. Nas últimas semanas eles estão trabalhando na redação de documentos e aprofundamento das questões atuais dos países envolvidos. Preciso destacar o importante papel nesta formação da professora de Geografia, Nivea Verges e a Maria Hunter, professora norte-americana do Maxi High School, que compartilhou suas experiências em simulações nos Estados Unidos durante o ensino médio”, acrescenta.

Nas duas simulações, a delegação do Colégio Maxi representará outros países, em Harvard, a República da Moldávia, um país do Leste Europeu, com cerca de 4,5 milhões de habitantes, já em Yale cada delegado representará um país diferente, sendo eles Áustria, Quênia, Venezuela, Emirados Árabes entre outros.    Além das atividades da ONU, os estudantes também visitarão pontos como o Capitólio, em Washington, sede do Congresso dos Estados Unidos, museus como o Smithsonian e o United States Holocaust Memorial Museum, dedicado à memória e registro histórico do Holocausto. Também está marcada uma visita à sede da ONU, em Nova York.