Entenda o Programa Rumo Certo

O Programa Rumo Certo prevê uma série de ações com participação dos alunos, pais e escola para dialogar assuntos como “Alimentação Saudável e ”, “Desenvolvimento Humano e Sexualidade”, “Prevenção ao Uso de Álcool e Outras Drogas”.

A adolescência é uma fase de mudanças e descobertas, onde há situações que podem causar grande risco à saúde e qualidade de vida dos jovens. Neste trabalho diário com o jovem, o Colégio Maxi entende a necessidade de se criar estratégias que propiciem o cuidado integral, com ações direcionadas à vida cotidiana e a temas voltados para o conhecimento e desenvolvimento humano. Com esta preocupação, criou-se o Programa Rumo Certo que viabiliza estratégias pedagógicas que possam envolver toda a comunidade escolar nas questões de saúde pública, sexualidade sadia e no combate ao consumo de drogas e álcool.

O programa pomove o diálogo entre famílias, alunos e escola, com o objetivo de sensibilizar sobre a importância de medidas eficazes para o desenvolvimento humano, além de implementar medidas preventivas, nas quais a escola e família participam de forma conjunta e corresponsável. Desenvolve a autopercepção e autocuidado, trabalha a autoestima dos alunos, e gera o debate sobre os desafios da adolescência, prevenção de riscos e vulnerabilidade que possam interferir na promoção da saúde e qualidade de vida.

Na prática, os alunos terão aulas semanas de 50 minutos com o professor de referência. As dinâmicas de trabalho envolvem leitura de textos, rodas de conversa, debates, palestras com especialistas da área da saúde e desenvolvimento humano, encontro para pais e alunos, além de intervenções pedagógicas e atividades multidisciplinares.

Para execução do Rumo Certo, o Maxi conta com apoio do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Moral (GEPEM), formado por docentes e pesquisadores de algumas das mais respeitadas universidades do país, como USP, Unifesp, Unesp e Unicamp. Os profissionais que atuarão na coordenação deste programa são o psicólogo e pós-doutor pela Universidade de Washington em dependência de drogas, Raul Martins, e a psicóloga e doutora em Educação pela Universidade Estadual Paulista – Unesp, Luciana Aparecida Nogueira Cruz.

 

Detalhamento da Formação

  1. Promoção de Alimentação Saudável e Nutricional
  • História da alimentação humana e origem dos alimentos;
  • Transtornos alimentares e a aceitação do corpo (uso de anabolizantes e inibidores de apetite);
  • Doenças relacionadas à alimentação, entre outros.

 

  1. Desenvolvimento Humano e Sexualidade
  • Descobrindo o corpo: hormônios e mudanças físicas;
  • Concepção, gravidez, DSTs e medidas preventivas;
  • A sexualidade no mundo real e virtual: seus perigos e encantos, entre outros.

 

  1. Prevenção ao uso de álcool e outras drogas.
  • Sensibilizar a comunidade escolar (Gestores, Professores, Pais e Alunos) para uma das maiores vulnerabilidades de adolescentes, o consumo de bebidas alcoólicas e outras drogas;
  • Organizar e dar formação para uma equipe de pessoas da comunidade escolar para que elas saibam como identificar os padrões de consumo de bebidas alcoólicas entre os alunos e posteriormente:
  1. a) aplicar intervenção breve nos alunos que apresentem padrão excessivo de álcool, com posterior avaliação da intervenção aplicada;
  2. b) motivar os que bebem moderadamente a voltar à abstinência;
  3. c) motivar os abstêmios a permanecerem nesta situação.
  • Instituir uma política permanente de atenção ao uso de álcool e outras drogas no Colégio, com a inserção na proposta dos alunos ingressantes dos próximos anos.